Já imaginou um mundo sem código de barras? O vídeo acima disponibilizado pela GS1 ilustra esse cenário em um supermercado. Apesar de divertido, este vídeo pode ilustrar, mesmo que de forma exagerada, algumas coisas que estão acontecendo em sua loja, neste momento.
Primeiro vamos ao ponto de vista do cliente. O carrinho dela está cheio, o que demonstra que, de uma forma ou de outra, você atingiu o objetivo de satisfazer seu cliente durante a compra, seja pelo preço, seja pela qualidade do atendimento prestado em sua loja.
Depois de tudo comprado e colocado no carrinho (venda feita) o cliente dirige-se para pagar. E aí é surpreendido com uma fila imensa em um operador de caixa confuso com o teclado de um computador. A cliente fica desanimada mas, mesmo assim, resolve verificar até onde vai a fila. Para sua surpresa, a mesma já está dando a volta no estacionamento. Então, dois sentimentos começam a tomar do cliente: o primeiro de frustração com a loja, com o tempo que perderá, com a qualidade do seu atendimento, etc. Tudo aquilo que você fez de bom até agora caiu por terra. E o segundo sentimento, que vai ficando cada vez mais forte, é o de abandonar suas compras e ir embora. Ou seja: todo aquele investimento multi milionário feito em piso, acabamento, gôndolas, maquinário, etc caiu por terra, por conta de uma economia “burra” feita no caixa.
O exagero do vídeo está em demonstrar a ausência COMPLETA do código de barras. Mas, não raro, nos deparamos com lojas que operam quase que desta forma, com pouca ou ausência total de automação no PDV. Estes empresários, com a visão míope de que automação é custo e não investimento, estão provocando em seus clientes sentimentos muito parecidos com o da cliente do vídeo. Sim, é exatamente assim que o cliente se sente quando chega no caixa de sua loja para pagar.
Logo meu amigo, não adianta nada investir seus suados milhões na “embalagem” da loja e não saber fechar o embrulho. Automação hoje é estratégica. Sem ela você joga dinheiro no lixo. O cliente não quer mais ser tratado como gado. Então pare de trata-lo assim e resolva de uma vez por todas o problema do seu Check-out!

Category_artigos